Blog PET

< voltar
11.01.2021 | Mundo Pet

Pets podem doar sangue?

A doação de sangue é um ato altruísta e generoso que ajuda a salvar vidas. Essa verdade vale também para o mundo animal. Muitas vezes, os pets também precisam de transfusões, seja em função de algum acidente ou por conta de doenças. Para isso, contam com a ajuda de seus parceiros de espécie. Cães e gatos podem ser doadores de sangue, assim como nós. Se você quer fazer de seu companheiro um doador, veja abaixo algumas informações importantes.

Limites e regras

Assim como funciona com os humanos, os pets também devem cumprir alguns critérios para poderem ajudar. Peso, idade, histórico e até mesmo o comportamento dos animais importam. Veja abaixo as condições:

Cães

– Ter entre um e oito anos de idade;

– Pesar mais de 25 kg;

– A doação é feita com o animal acordado, portanto ele deve ser o mais dócil e calmo possível;

– Ter vacinação e vermifugação em dia;

– Ter controle de pulgas e carrapatos atualizado;

– Não apresentar doença ou transfusão prévia;

– No caso de fêmeas, não podem estar em período gestacional.

Gatos

– Ter entre um e sete anos de idade;

– Pesar mais de 4 kg;

– O mesmo válido para cães é válido para gatos também: eles devem ser calmos e dóceis;

– Ter vacinação e vermifugação em dia;

– Ter controle de pulgas e carrapatos atualizado;

– Não apresentar doença ou transfusão prévia;

– No caso de fêmeas, não podem estar em período gestacional.

Como doar?

Primeiro, é preciso verificar se a sua cidade possui um banco de sangue animal. Há diversas universidades, hospitais e clínicas veterinárias que mantêm bancos de sangue pet. 

Lá, todos os testes são feitos não só para ver se está tudo bem com ele, mas também para descobrir qual é o tipo sanguíneo do pet – cães podem ter 13 tipos diferentes de sangue, enquanto gatos possuem 3. O sangue dos cães  não pode ser doado para gatos, nem o contrário. Os cães podem doar até 450 ml de sangue e os gatos até 40 ml.

CATEGORIAS DO BLOG
PESQUISAR
ASSINE NOSSA NEWSLETTER!

Veja Também