Blog PET

< voltar
19.08.2020 | Mundo Pet

O que é a Síndrome de Ansiedade que atinge os animais de estimação?

Distúrbio pode afetar mais animais que ficam isolados em apartamentos durante o dia. Entenda

Durante os últimos anos, estudos mostraram que os animais de estimação causam efeitos muito positivos na nossa saúde mental. Eles aumentam tanto a sensação de bem-estar em nós, que existem até alguns tratamentos médicos que utilizam o convívio com animais  como um recurso para tratar pacientes com problemas como depressão e ansiedade.

Mas ao cuidarmos de um pet, não podemos pensar somente nos benefícios que eles trazem para nós, mas também o caminho inverso: como eles se sentem? A saúde mental dos bichos também pode ser afetada por motivos ambientais ou de comportamento. É necessário prestar atenção nos sinais para perceber quando há um problema neste sentido.

Síndrome de Ansiedade da Separação em Animais

A Síndrome de Ansiedade da Separação em Animais (Sasa) é um distúrbio de comportamento que ocorre em parte considerável dos pets – principalmente em cães que moram em apartamentos. De acordo com um estudo da Universidade Federal Fluminense (UFF), 55% dos cachorros que vivem neste tipo de moradia contraem essa síndrome. As manifestações mais comuns em cães que têm a Sasa são “vocalizações excessivas, comportamentos destrutivos e os comportamentos depressivos”.

Como era de se esperar, o estudo também mostra que os tutores de cães com esse distúrbio, que ocorre quando os animais não conseguem lidar com o afastamento de seus donod, também têm sua qualidade de vida afetada.

Como lidar com o problema?

Problemas de ansiedade nos pets devem ser tratados no dia a dia com muita atenção e carinho. Os animais precisam gastar energia, por isso é sempre recomendável investir em brincadeiras e acessórios que os façam se divertir. Uma outra opção bastante válida é pensar em adotar outro animal para fazer companhia e impedir que a solidão seja um problema.

Tudo isso, é claro, sob a supervisão de um veterinário, que pode indicar o melhor caminho caso o problema não seja resolvido com essas soluções práticas.

CATEGORIAS DO BLOG
PESQUISAR
ASSINE NOSSA NEWSLETTER!

Veja Também